Princípio #8 – Faça bem o seu trabalho e vá além

Quem nunca se irritou com alguém que está de má vontade no trabalho e parece querer dificultar mais a sua vida do que facilitar? Pode ser qualquer um: uma vendedora de uma loja, um garçom do bar, uma secretária do consultório médico, um servidor público, um colega de trabalho… E quem nunca ficou maravilhado em topar com uma pessoa que poderia ter dito simplesmente “sinto muito”, mas ao invés disso falou “deixa eu ver se posso te ajudar de outra forma”?

É simplesmente fantástico quando isso acontece!

A vida não seria muito mais fácil se as pessoas parecessem mais dispostas a ajudar umas as outras em vez de criar empecilhos, burocracia ou se limitar a dizer “isso não faz parte de minhas atribuições”?

Eu entendo que nem todo mundo goste do trabalho que tem, que nem todo mundo acorda de bom humor todo dia. Mas quer saber? Precisamos dar mais valor ao que temos!

Precisamos entender a importância do nosso trabalho e entender que, não importa qual seja, ele é fundamental para manter nossa sociedade funcionando! Somos como um conjunto de engrenagens que mantém um motor funcionando. Se uma falhar, o motor para!

O médico precisa do engenheiro, que precisa do advogado, que precisa do garçom, que precisa do arquiteto, que precisa do pedreiro, que precisa da polícia, que precisa do mecânico, que precisa do fornecedor, que precisa da indústria… E por aí vai… Não necessariamente nessa ordem…

Infelizmente ainda tem gente que acha que trabalho é só para ganhar dinheiro… Tá errado! Trabalho serve para suprir as necessidades de uma sociedade inteira!! O dinheiro é só uma recompensa pelos serviços prestados. E ainda tem funcionário por aí que fica enrolando, coçando para esperar até as 17h pra ir para casa… Tem funcionário que fica tramando para depois processar a empresa e ganhar uma graninha…

Pra essa galera, um recado: acorda pra vida!! Um país desenvolvido precisa de produtividade!! Como é que se quer viver num país melhor se não produzimos direito!?

Portanto, pare para analisar como você poderia estar fazendo melhor o seu trabalho. Certamente você tem uma série de atribuições importantes. Mas não se atenha a elas apenas! Vá além! Seja proativo! Não se contente em fazer só sua parte e transferir a responsabilidade para o outro. Faça o possível e o impossível para solucionar um problema!

E tudo que fizer, faça direito! Não faça as coisas de má vontade, principalmente se seu trabalho puder colocar em risco a vida de outras pessoas! É simplesmente triste e revoltante saber que alguém perdeu a vida por negligência alheia… Lembre-se sempre do Princípio #1: coloque-se no lugar dos outros e imagine se sua vida estivesse em risco por má vontade de terceiros… Nada legal, né!?

< Voltar para os 11 Princípios